Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2010

>> POLICIAIS SÃO PUNIDOS POR COMENTÁRIOS NO TWITTER

Policiais civis e militares do Rio têm sofrido punições por comentários feitos pelo Twitter. Um caso mais extremo ocorreu no dia 13, quando o capitão da PM Luiz Alexandre Souza da Costa foi punido com 20 dias de prisão administrativa por ter comentado a sua nomeação para determinado cargo na corporação. Na segunda-feira, um delegado da Polícia Civil informou que estava se "calando" na rede social, enquanto não pudesse gozar de "prerrogativas como inamovibilidade e independência". Pelo perfil @Delegado_Pinho, o policial defendia eleições para a escolha do chefe da Polícia Civil e pedia que a corregedoria interna fosse independente. Na semana passada, o delegado foi transferido do cargo de titular de uma importante delegacia da zona oeste (33.ª DP, Realengo) para o Departamento Geral de Polícia da Capital, onde se encontra sem função oficial. A instituição não comentou o assunto, mas o delegado, por meio do Twitter, negou ter sido censurado. "Deixei claro que nã

>> POLICIAIS MILITARES ENTREGAM CARTA ABERTA A COMANDANTE GERAL DA PMRN

Uma comissão de policiais militares, juntamente com representantes da sociedade civil, entregaram uma "Carta Aberta" ao Comandante Geral da Polícia Militar do RN, onde manifestaram o desejo da permanência do Coronel Araújo no Comando da PMRN. O movimento "Fica Coronel" é inédito na História da Polícia Militar do RN, onde policiais militares iniciaram por iniciativa própria este movimento simbólico pela permanência do Comandante Geral à frente da PMRN. O objetivo do movimento é comover a sociedade civil e as autoridades políticas do Estado da importância de um Comandante Geral bem quisto pela tropa. C ARTA ABERTA AO COMANDANTE GERAL DA POLÍCIA MILITAR/RN Ilmo. Sr. Cel. Comandante Geral da Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte, vimos, através desta Carta Aberta, formalizar nosso manifesto em prol de vossa permanência frente ao comando de nossa centenária e valorosa corporação. Tal mobilização que é pacífica, ordeira e acima de tudo sem fins eleitoreiros fo

>> ESTATUTO, CÓDIGO DE ÉTICA E SUBSÍDIO

Estatuto dos Militares do Estado do RN Conclusão dos trabalhos da Comissão Mista nesta sexta, 29 de outubro. A minuta garante os seguintes avanços: Exigência de nível superior para ingresso na PM e CBM; CFSd com 1 ano de duração; Ascensão à graduação de Cabo após 6 anos de efetivo serviço, sem concurso, seleção ou curso, independente do número de vagas; Ascensão à graduação de 3 Sgt após 4 anos como Cb mediante conclusão de Curso de Habilitação de Sargentos com duração de 90 dias; Reserva de 50% das vagas para o CFO para o publico interno; Definição da Jornada de Trabalho em 160 horas mensais com turnos de serviço de no máximo 12 horas; Previsão da remuneração em forma de subsídio; Retorno da reserva com vencimentos da Posto ou Graduação subseqüente e 10% sobre o subsídio quando no último posto (Coronel). Código de Ética e Disciplina dos Militares do Estado A proposta está pronta, e já se encontra inclusive, com a presidência da Assembléia Legislativa. Estamos preparando junto

>> RIO DE PAZ ENVIA MENSAGEM ESPECIAL À PMRJ

O diretor do movimento Rio de Paz - que luta pela redução de homicídios no país e, especialmente, no Rio - Antonio Carlos Costa, envia artigo com o objetivo de debater a situação da Polícia Militar, que está novamente na berlinda com o filme "Tropa de Elite 2". MENSAGEM À POLÍCIA MILITAR Por Antonio Carlos Costa. O Tropa de Elite II feriu muita gente dentro da Polícia Militar, que viu sua instituição ser objeto da mais ampla e severa crítica de toda a sua história. Efeito oposto ocorre na sociedade civil do Rio de Janeiro, indignada com a mesma polícia em razão das denúncias gravíssimas feitas pelo filme. Pensei no que falar para os policiais militares. O Rio de Janeiro é impensável sem vocês. Não consigo imaginar a nossa cidade sem a sua presença nas ruas. Sem o seu trabalho não há futebol no Maracanã, festa de Ano Novo em Copacabana, liberdade de locomoção face à violência do Rio e prisão de bandidos que praticam crimes que miséria de espécie alguma pode justificar. A

>> POLICIAIS AMBIENTAIS RECLAMAM DA FALTA DE PAGAMENTO DE DIÁRIAS

Diariamente o blog vem recebendo denúncias de policiais militares lotados na CIPAM em relação à falta de pagamento de diárias as quais fazem jus. As diárias pagas aos policiais ambientais são fruto de um convênio realizado entre o IDEMA e a PMRN, porém as mesmas não vêm sendo repassadas aos policiais há cerca de três meses. "Essas diárias é o IDEMA que repassa a verba para a PM, mais não sabemos de quem é a culpa se é do IDEMA que não repassou a verba ou se da PM que ficou com a verba e não nos pagou. A PM informa que o IDEMA não repassou a verba para pagamento das Diárias e o IDEMA diz que repassou o dinheiro. Enfim nós apenas queremos receber nosso dinheiro a que temos direito" , desabafa um policial militar da Ambiental. "Desde já o blog se coloca à disposição das autoridades competentes para que se pronunciem sobre o não pagamento das diárias da Polícia Ambiental. Outrossim, o blog tentará manter contato com o Comandante Geral da Corporação para que o mesmo possa

>> POLICIAIS MILITARES DO RN MOBILIZAM-SE PARA ENTREGAR "CARTA ABERTA" AO COMANDANTE

Policiais militares do Rio Grande do Norte, juntamente com representantes da sociedade civil e empresários, entregarão ao Comandante Geral da PMRN, Coronel Araújo, na manhã desta sexta-feira, 29, uma Carta Aberta em nome de todos os policiais militares do RN em favor de sua permanência no comando da instituição militar. O movimento "Fica Coronel" vem ganhando força nos meios de comunicação e sites de relacionamentos, como Twiter e Orkut a cada dia. Os policiais esperam ainda mobilizar a sociedade civil quanto a importância da permanência de um Comandante Geral bem quisto pela tropa. A comissão do movimento "Fica Coronel" irá apresentar a Carta Aberta ao Comandante amanhã, às 9h, oportunidade em que o Comandante Geral se pronunciará sobre este movimento inédito na História da Polícia Militar do Rio Grande do Norte. Matéria criada pela Sd Glaucia

>> RELATOR NÃO ACREDITA NA VOTAÇÃO DA PEC 300 NESTE ANO

Líder do governo, no entanto, garante que a proposta será votada após o segundo turno das eleições. O relator da PEC 300/08, deputado Major Fábio (DEM-PB), não confia na votação do texto ainda neste ano. A proposta de emenda à Constituição que cria o piso nacional de policiais militares e civis e de bombeiros militares foi aprovada em primeiro turno em julho e, desde então, os profissionais aguardam votação em segundo turno para que o texto seja encaminhado ao Senado. Descontentes com os adiamentos, os policiais chegaram a se confrontar com equipes de segurança da Câmara. Agora, apesar da garantia do líder do governo no Congresso, deputado Gilmar Machado (PT-MG), de votar a PEC logo após as eleições, Major Fábio prefere não criar expectativas. "Já fiz esse prognóstico não sei quantas vezes. Até o presidente prometeu não sei quantas vezes e não cumpriu. Então, agora, para dizer que vai votar é muito difícil. Quando se fala em pagar trabalhador, tem essas dificuldades. Se encontr

>> APROVADA POR UNANIMIDADE A PEC 300 DA PARAÍBA

Três Projetos de Lei do Governo do Estado reajustam os vencimentos de policiais militares, policiais civis, bombeiros e agentes penitenciários Por unanimidade, a Assembléia Legislativa da Paraíba aprovou os Projetos de Lei n 1.892/2010; 1.893/2010 e 1.894/2010, (PEC 300), de autoria do Governo do Estado qie equipara aos salários dos policiais do Estado de Sergipe, os vencimentos dos policiais militares, policiais civis, bombeiros militares e agentes de segurança penitenciária da Paraíba. Os reajustes serão implantados no período de 18 meses, após a lei ser sancionada pelo governador. O reajuste começa a valer a partir de 1 de janeiro de 2011. O presidente dos Servidores da Polícia Civil do Estado da Paraíba, Antonio Erivaldo Henrique de Sousa, avaliou que a Polícia Civil, com a aprovação dos projetos, teve uma correção de parte das perdas salariais da categoria e outras melhorias continuarão sendo reivindicadas. O coronel da PM, Getúlio Bezerra, vice-presidente do Clube dos Oficiais

>> PERSONALIDADE DA ASPOL

A ASPOL foi criada com o objetivo de agregar e não de dividir uma categoria. A união será a nossa bandeira. Ela não será outra associação, simplesmente pelo motivo de ser diferente. Na ASPOL encontramos todos os policiais, praças e oficiais, presentes em uma mesma reunião discutindo assuntos da caserna. O bom desta associação é que o policial ao crescer dentro da instituição não necessita mudar de associação, como ocorre atualmente. Basta à divisão que existe dentro da instituição Policial Militar, não podemos trazer isto para dentro de associações ou participarmos de associações para determinadas graduações ou postos. Se ficarmos esperando que as associações da capital venham se unir e fortalecer uma única associação, isso vai demorar muito tempo, pois a falta de renovação e de mudança de ideologia existente em cada uma faz com que isso não venha acontecer. Por este motivo criamos e fortaleceremos juntos a única associação da capital aberta a todos os policiais militares. Além

>> REPORTAGEM DO NOMINUTO.COM DIVULGA O CORONEL ELIAS COMO POSSÍVEL COMANDANTE GERAL DA POLÍCIA MILITAR

O comando da Polícia Militar, a segurança pública e as diretorias de presídios são espaços que deverão ter novos nomes a partir do próximo ano. Apesar de já está se formando um movimento em prol da permanência do coronel Araújo Silva no comando da PM, ventila-se que o substituto dele será o coronel Elias Cândido, que durante muitos anos esteve à frente da Polícia Militar em Mossoró. Fonte: nominuto.com

>> CABO JEOÁS DEPÕE NO CASO DE SARGENTO REGINA

O presidente da Associação de Cabos e Soldados do RN, cabo Jeoás Nascimento, depôs ontem no processo de investigação das denúncias contra vereadora Sargento Regina. Ao promotor Sílvio Ricardo Brito, da 35ª Promotoria de Justiça, o militar prestou depoimento por quase três horas. As perguntas do Ministério Público foram dirigidas à suposta negociação de voto que a vereadora do PDT teria feito com o presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Dickson Nasser (PSB). No vídeo, postado no Youtube, Sargento Regina afirma que recebeu R$ 10 mil em cargos comissionados na Mesa Diretora e, em troca, votaria no vereador do PSB para presidir a Casa. Ao presidente da ACS o promotor questionou também sobre as contratações informais de cargos comissionados para o gabinete da vereadora. Esse assunto também foi abordado por Sargento Regina no vídeo, quando se refere ao fato de que cargos comissionados nomeados rateiam o salário com outros “assessores” da parlamentar. Ao promotor, o cabo Jeoás c

>> ZENÓBIO DEVOLVE “PEC 300” E MAJOR FÁBIO CONVOCA POLÍCIA PARA ACAMPAR EM FRENTE DA AL DA PARAÍBA

O deputado estadual Zenóbio Toscano (PSDB) devolveu os projetos de lei enviados pelo Poder Executivo dispondo sobre reajuste salarial dos policiais militares, civis e agentes penitenciários, mas conhecidos como “PEC 300 da Paraíba”, ao presidente da AL deputado João Henrique (DEM). Além da devolução do projeto, Zenóbio cancelou “arbitrariamente” a reunião da Comissão de Constituição, Justiça e Redação que acontece toda terça-feira, disse o deputado Gervásio Filho.. Segundo Gervásio Filho (PMDB) a decisão e Zenóbio Toscano é “política” somente para impedir o andamento do projeto que beneficiará diretamente policiais civis e militares, agentes penitenciários de toda Paraíba. Zenóbio Toscano alegou “divergências” entre as cópias dos projetos enviados no dia 20 à Assembleia com os originais enviados no dia seguinte e atestou que elas não batem. O deputado federal Major Fábio (DEM) informou que a partir desta terça-feira (26) integrantes da Polícia Militar, Civil e Corpo de Bombeiros vão

>> POLICIAL MILITAR APRESENTA TRABALHO CIENTÍFICO PROPONDO UMA SEGURANÇA PÚBLICA MAIS SOLIDÁRIA

O policial militar Eucimar de Freitas e Silva, pertencente a 2ª Companhia do 2º Batalhão de Polícia Militar em Mossoró e estudante do Curso de Graduação Tecnológica em Gestão Empresarial pela Universidade Vale do Acaraú - UVA, apresentou recentemente naquela instituição de ensino um Artigo científico cujo título é Gestão de Pessoas e Humanização da Polícia Militar: Por Uma Segurança Pública Solidária. Em resumo, dissertou que Polícia Militar, como instituição que atua na segurança pública, tem sido criticada em sua atuação na sociedade. Essa realidade é resultado da consequência da forma da estrutura militar que ceifa a satisfação daqueles que estão a serviço como policial militar. Desta forma, os grandes impasses para a construção de uma segurança pública solidária como produto de uma Polícia Militar humanizadora é a falta de motivação e o stresse permanente da corporação. Busca-se ressaltar a necessidade de uma mudança de paradigma na gestão da Polícia Militar voltada para uma Gestã

>> ÚNICA ASSOCIAÇÃO POLICIAL MILITAR NO RN

Desde que ingressei na Polícia Militar existe uma discussão sobre a unificação das Associações existentes e criação de uma única Associação forte e transparente. Em Santa Catarina existe uma Associação denominada APRASC (http://aprasc.org.br/), composta por 9.000 sócios e com uma mensalidade de R$ 10,88. O que faz uma Associação ser forte é a quantidade de sócios que a compõe. E o valor da mensalidade é o que menos importa, pois o importante é a transparência que é exercida pela diretoria da Associação. Ou seja, não importa se ela cobra 10, 20 ou 30, desde que ela mostre o que é feito com o dinheiro recolhido. Sou a favor de uma única Associação que represente todos os Policiais Militares do Estado, assim como os Bombeiros que tem uma única Associação de Bombeiros Militares, onde mais da metade do efetivo está associada. Creio que com a criação de uma única Associação policial teríamos uma entidade com cerca de 6.000 sócios e seriamos bastante forte. Criamos a ASPOL para corrigir

>> POLÍCIA MILITAR DO PARANÁ PASSARÁ A RECEBER POR SUBSÍDIO E TERÁ SALÁRIO INICIAL DE R$ 5 MIL

Mais uma corporação policial militar brasileira reconhece a necessidade de valorização profissional de seus homens: a Polícia Militar do Paraná. A Assembleia Legislativa do Paraná aprovou a Proposta de Emenda Constitucional número 64, a PEC 64, que traz mudanças significativas na política salarial e de carreira da PMPR. Algumas mudanças implementadas: A Policia Militar e o Corpo de Bombeiros do Estado do Paraná, passam a perceber como remuneração, o subsídio, em parcela única, não havendo mais o compilado de soldo + gratificações; Exigir-se-á, para o preenchimento do cargo, na Polícia Militar do Paraná, além de outras condições definidas em lei, curso de nível superior para ingresso como Soldado de Segunda Classe e curso de Direito para ingresso na carreira de Oficial do Quadro de Oficiais Policiais-Militares e curso de Engenharia para ingresso no Quadro de Oficiais Bombeiros-Militares; A remuneração, sob a forma de subsídio passa a ser fixada com a diferença de 5% de uma para outr

>> POLÍCIA QUER ROMPER O MEDO QUE POPULAÇÃO AINDA SENTE

A governadora eleita do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, prometeu durante a campanha política implantar no Estado, por meio da Polícia Militar, o programa Ronda no Quarteirão – que vem dando muito certo no Estado do Ceará, copiado por vários Estados brasileiros. A forma é simples e eficiente. Nos últimos três anos diminuiu muito a violência na capital cearense e região metropolitana. Mas, por enquanto, o que se vê no RN ainda é um entrave entre polícia e comunidade. Em 2009 foi montado o programa de Reestruturação da Polícia de Bairro, que ainda não apresentou resultados. Em 2000, foi montada a polícia comunitária que havia iniciado, timidamente, em meados de 1980, as “tão faladas” bases comunitárias - aquelas que sempre foram um “calo no sapato” dos administradores da segurança no RN não apresentavam evolução. A cúpula da polícia não confirma o porquê dos projetos não terem alavancado, porém, o que se comenta nos bastidores da polícia foi, sem dúvida, a falta de invest

>> A IMPORTÂNCIA DE ESTARMOS UNIDOS

Amigos Policiais Militares, A divisão é a marca registrada da Polícia Militar, mas isto não deveria ser assim. Não bastasse a divisão que é aplicada dentro da Polícia Militar entre os oficiais e as praças, ainda existe uma divisão dentro das praças entre os Subtenentes e Sargentos com os Cabos e Soldados, apresentada através de duas associações. Não existe um culpado, existe sim uma história que não precisa ser contada nem tão pouco ser mantida, pois podemos mudar. Sempre defendi e defendo a união da categoria e das associações, mas cansei de esperar para que isto acontecesse. Por este motivo nós policiais militares do município de Macaíba/RN resolvemos criar uma associação que fosse aberta a todos e acima de tudo transparente. A Associação de Policiais Militares Metropolitanos ficará incumbida de fiscalizar as unidade e defender os policiais militares da região metropolitana. Ficando sempre do lado da maioria, ou seja, dos praças. Esta associação tem um grande caminho para perc

>> A IMPORTÂNCIA DE SER ASSOCIADO

Amigos Policiais Militares, É bastante importante para conseguirmos grandes vitórias e garantirmos a nossa força, que estejamos unidos e associados. A categoria policial militar é tão somente representada pela Associação que a defende e luta mostrando a realidade e o anseio de todos. Nos últimos anos as conquistas vieram através das mesmas, às vezes satisfatórias, outras vezes nem tanto. Mas se as Associações não tivessem feito a representação não teríamos tido nenhum benefício, sendo assim teria sido pior e estaríamos recebendo um salário bem menor do que recebemos hoje. Mas as Associações não vivem tão somente de luta e defesa da categoria, a mesma realiza um trabalho social ao oferecer benefícios e assistências ao seu associado, para isso estas recolhem mensalidade que devem ser aplicada nas despesas da entidade e nos serviços que servem a todos. Devendo-se ficar bem claro a direção de qualquer que seja a entidade que ela deve ser transparente com os ganhos e perdas de sua rece

>> DIREITO DE RESPOSTA DA ASSOCIAÇÃO DE POLICIAIS DO SÉRIDO PARA O SR. VALTER ANTERO

Através deste instrumento, viemos levar o direito de resposta as acusações feitas pelo Sr. Valter Antero, que em infeliz nota, vinculou à policia militar e civil do Seridó no envolvimento com a morte do estimado radialista F. Gomes. Como já perceptível por todos, e com a ajuda principalmente da Segunda Seção da Polícia Militar de Currais Novos, o verdadeiro culpado já está preso, e cremos que é só a ponta do “iceberg”. E de fato, não envolve nenhum policial. Lembro que da Policia de todo o Estado, a polícia do Seridó é conhecido por ser uma policia disciplinada e séria, sendo raros os casos em que policiais se desviaram do trabalho que supostamente foram vocacionados a trabalhar. Servir e proteger. Relembro os trabalhos realizados pela instituição, principalmente a Policia Militar, como o PROERD e os serviços da Segunda Seção, e a mais nova de todas, a Ronda Escolar. Trabalhos esses, ovacionados pela sociedade, e que reiteram a confiança que a sociedade tem pela instituição. A polic

>> SOLDADO É MORTO POR COLEGA EM TENENTE ANANIAS/RN

Uma história passional envolvendo uma mulher e dois soldados do destacamento do município de Tenente Ananias, distante 402 km de Natal, teve desfecho trágico na madrugada deste sábado (23). Segundo informações da polícia, o soldado Edson Carvalho de Queiroz confessou ter assassinado Geraldo Cleusimar da Costa, de 35 anos, por volta das 00h30. Conforme informou o delegado Clécio, o crime foi motivado por ciúme. Ele contou que Geraldo e Edson faziam parte de um triângulo amoroso, composto ainda por uma dona-de-casa casada. “Ambos os soldados mantiveram relações amorosas com a senhora em momentos distintos. Geraldo foi o primeiro e, após o término, ela começou o caso com Edson”, disse. A polícia suspeita que Geraldo, inconformado com a troca, tenha ficado de tocaia na casa de mulher, à espera do colega, que foi recebido com cinco disparos. A polícia chegou ao local após ter recebido ligações acerca do barulho de tiros na localidade. “Quando chegamos ao local encontramos Geraldo com vida

>> POLICIAIS DE PARNAMIRIM APOIAM O TRABALHO DA ASPOL

O Cabo Heronides esteve presente na manhã de hoje, 21, apresentando a ASPOL e buscando apoio dos policiais de Parnamirim (3º BPM) a esta nova associação. O simples fato de demonstrar transparência e trabalho desde o seu inicio tem trazido muitos apoios e sócios para o firmamento da ASPOL na região metropolitana. Ficaram responsáveis para divulgar e aderirem sócios na cidade de Parnamirim o Sargento Soares, o Soldado Lopes e o Cabo Stuart que não pôde está presente. Os mesmos ficarão responsáveis para adquirirem convênios na cidade de Parnamirim. Com o crescimento da ASPOL a cidade de Parnamirim oferecerá Assistência Jurídica aos sócios deste município. Agradeço a recepção oferecida por todos os policiais do 3º BPM.

>> O ASSÉDIO MORAL É CONSTANTE NO 1º BPM

Muitos são os depoimentos dos policiais que pertencem ao efetivo do 1º BPM, relatando o abuso, a perseguição, o constrangimento, humilhações e ameaças que vem acontecendo por parte do comandante da unidade. Para se ter uma ideia do que está acontecendo nestes últimos dias um grupo de oficiais resolveram pedir exoneração de suas funções coletivamente, pois alegam não aguentar mais o atual comandante e sua política de gestão. Os pedidos de transferências por parte dos praças têm aumentado rapidamente. “O inferno existe e o sinônimo para ele é o 1º BPM”, comenta um soldado. Alguns policiais estão pela Junta Médica, mas todos sabem quem necessita de um tratamento. “O Comandante Geral deveria afastar o comandante do 1º BPM para que não ocorra algo pior, pois do jeito que está não pode ficar. Os policiais do 1º BPM estão sofrendo e o reflexo está no serviço”. CABO HERONIDES

>> POLÍCIA MILITAR DEPOSITA DIÁRIAS DE QUEM ATUOU NA ELEIÇÃO

Uma parte dos dois mil soldados da Polícia Militar do Rio Grande do Norte que atuaram na segurança do primeiro turno das eleições, em 3 de outubro, e estava sem receber a diária operacional pelo deslocamento de Natal para o interior, já pode retirá-la hoje de manhã, na sua conta-corrente do Banco do Brasil, é o que garante o comandante da corporação, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva. O coronel Araújo Silva disse que assinou, ontem de manhã, a ordem bancária para o pagamento das diárias operacionais que ainda não tinham sido pagas, e que “ao amanhecer do dia (hoje) todos os soldados estarão com a sua diária operacional”. Segundo o comandante da PM, também estão sendo pagas, hoje, as diárias operacionais dos policiais que atuaram durante a “Operação Verão” realizada na alta estação deste ano: “Nós resgatamos e pagamos tudo”. Fonte: tribuna do norte

>> SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA OBSERVA INSTITUIÇÕES DE ENSINO DO RN

A Secretaria Nacional de Segurança Pública, do Distrito Federal, enviou uma Comissão de Observação Externa ao Rio Grande do Norte para observar a qualidade das Instituições de Ensino da Segurança Pública (Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil). O representantes da Senasp estão em território potiguar desde a segunda-feira (17). Eles cumprem o cronograma do Programa de Construção de Padrões de Qualidade destinado as Instituições de Ensino de Segurança Pública (IESP) do país. As Instituições que recebem a visita de observação das consultoras têm maior possibilidade de se auto conhecerem afim de buscarem uma maior organização administrativa pedagógica visando a ampliação da excelência de suas ações educativas. O Rio Grande do Norte é o nono Estado a ser visitado pela Comissão que está percorrendo as doze cidades do país, escolhidas para sediar grandes eventos como a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016. Em Natal, as consultoras Rose Mary Gimenez e Viviane Pereira Peixoto S

>> ASSOCIAÇÃO DE POLICIAIS MILITARES METROPOLITANOS É CRIADA NO RN – ASPOL

Cerca de 40 policiais do município de Macaíba aprovaram nesta terça-feira, 19, a criação de uma Associação que venha a contemplar os policiais militares da região metropolitana de Natal. O objetivo da associação é garantir o bem está de todos os policiais militares e de seus familiares. Todas as cidades da região metropolitanas irão oferecer serviços e convênios ao associado, sem precisar que o policial militar tenha que se deslocar de uma cidade para outra para ser atendido. A cobertura da entidade está limitada as áreas de atuações do 1º BPM, 3º BPM, 4º BPM, 5º BPM, 9º BPM, 11º BPM, BPCHOQUE, CIPTUR, CIPAM, CIPGD, RPMOM, ROCAM, CPFEM e CIPRED. Ou seja, as cidades de Natal, Macaíba, Parnamirim, São Gonçalo, Ceará Mirim, Extremoz, São José de Mipibu, Monte Alegre e Vera Cruz. Conheça a ASPOL: http://aspolrn.blogspot.com Iremos oferecer de imediato ao sócio todos os convênios que a associação realizar no decorrer desta semana, com exceção da assistência jurídica. A princípio o sóc

>> “QUEM NÃO TEM O QUE FAZER CRIA ONG PARA DEFENDER BANDIDO”, DIZ COMANDANTE DA ROTA

O comandante da Rota, tenente coronel Paulo Adriano Telhada, reage às críticas de que seu batalhão é violento e reclama da atuação de ONGs. 'Tem muita gente que não tem o que fazer e cria ONG para defender bandido'. FOLHA - Como o sr. reage às críticas de que a Rota é violenta? PAULO ADRIANO TELHADA - Crítica a gente recebe toda hora. Cristo tinha 12 apóstolos, fez o bem para todo mundo e foi criticado. A Polícia Militar, por mais que ela faça bem o serviço, ela sempre desagrada alguém ou a família do criminoso ou alguém que tinha o interesse no crime. Quem critica o serviço da PM quer ter vantagem que a polícia está impedindo. Quem critica ou não conhece ou foi atrapalhado em algum objetivo que tinha. Neste ano foram 49 casos de pessoas que morreram em suposto confronto com a Rota. Esse número é aceitável? Não considero nem pouco nem muito. Quem escolhe entrar em confronto é o criminoso. O policial é treinado para que se combata o crime. Quando você perde um policial numa o

>> "POLÍCIA MILITAR AINDA CARREGA RESQUÍCIOS DA DITADURA MILITAR", AFIRMA CODIRETORA DE ONG

Codiretora da Rede Social de Justiça e Direitos Humanos, Maria Luisa Mendonça avalia que a Rota, assim como a Polícia Militar em todo o país, ainda carrega resquícios da ditadura militar. Por isso, a prática de violência está arraigada na instituição. Folha - Qual sua avaliação sobre a atuação da Rota em São Paulo? MARIA LUISA MENDONÇA - A Rota não é diferente do que vemos da atuação da PM no restante do país. Não é uma característica só de São Paulo. O que presenciamos, ao longo dos anos, é uma série de situações de violações dos direitos humanos, com um número muito grande de assassinatos de supostos suspeitos de crime. Aquela velha política de primeiro atirar e depois perguntar permanece. Na nossa opinião, ainda há no Brasil um resquício dos grupos de extermínio, de tortura, das execuções sumárias, de uma política da época da ditadura militar. O que precisa ser feito para alterar esse cenário? Deve haver um treinamento adequado para esses policiais, com táticas mais eficientes. U

>> DILMA PROMETE PISO SALARIAL PARA POLÍCIAS

Às vésperas da reunião sobre o apoio do PV no 2º turno, a candidata Dilma Rousseff (PT) enviou uma carta a Marina Silva na qual se compromete com alguns assuntos ligados ao Partido Verde. O texto de Dilma também revela pontos de seu programa de governo que ainda são desconhecidos, como a iniciativa de enviar uma PEC (Proposta de Emenda Constitucional) para criar um piso nacional salarial para os policiais. A petista também promete criar um "Sistema Único de Segurança Pública". Na segurança, Dilma deixa clara a urgência com a qual pretende aumentar os salários das polícias, com um "pacto" entre os governos federal, estaduais e municipais: "A necessidade indiscutível de um piso nacional de remuneração para policiais tem de ser objeto de um pacto entre a União, os Estados e os Municípios. Essas e outras questões deverão ser objeto de uma PEC a ser enviada no menor prazo possível, consultados os entes federativos". DILMA ROUSSEFF

>> A POLÍCIA MILITAR ESTÁ DE LUTO

A Polícia Militar está de luto pela morte do Soldado Ailson, o mesmo já vinha com problemas de saúde e não resistiu, vindo a falecer na madrugada deste ultimo sábado. O Soldado Ailson Morava na cidade de Apodi/RN. Externo aqui o nosso sentimento de tristeza e de apoio aos seus familiares e amigos.

>> POLÍCIA MILITAR É HUMILHADA NO BAIRRO DOS GUARAPES

Os Policiais Militares do 9º BPM foram humilhados e ameaçados no bairro dos Guarapes em Natal. No ultimo dia ,12, às 13:00 horas, o CIOSP passou uma ocorrência para a viatura dos Guarapes para capturar um traficante conhecido por Colorau, a viatura pediu o apoio de mais viaturas e foi ao local na Rua Jardim Botânico. As quatro viaturas ao chegarem ao local adentraram o assentamento e capturaram o Colorau. Neste momento cerca de 300 pessoas (homens, mulheres e crianças) começaram a ameaçar os policiais com enxadas, foices e soltando fogos de artifícios. Para que liberassem o Colorau. Os policiais informaram que estas pessoas utilizavam de tática de guerrilha, tendo o comandante que mandava avançar e recuar. E dizia que naquele lugar quem manda é eles e nenhuma polícia ou comandante tem moral para entrar no assentamento. O oficial que estava no local pediu apoio do BP-Choque que por algum motivo não chegaram ao local. Para que não ocorresse um confronto o Oficial liberou o acusado

>> PMs QUE FAZEM ESCOLTA DE PRESOS NO ESTADO TEM DIÁRIAS CANCELADAS

Desde 2001 todos os Policiais Militares que trabalham em unidades prisionais do estado recebem Diárias Operacionais por seus serviços nessas unidades. Antes os PMs recebiam 10 (dez) diárias de R$ 20,00 cada, ou seja, R$200,00. Mais assim que o valor passou a ser R$ 50,00, diminuíram para 06 (seis) e ao invés de R$500,00 só passaram a receber apenas R$300,00. Só que não foi por muito tempo para alguns. Na ultima sexta feira (08) os PMs que fazem as escoltas de presos nessas unidades receberam a triste notícias que suas diárias foram suspensas e até o momento não se sabe por quem e por que, o que se sabe é que sem receber as diárias que os outros policiais tem direito, muitos já estão se apresentando na guarda e não irão trabalhar até que alguém se pronuncie ou transmita alguma resposta sobre tal fato. O que esta havendo é simplesmente um tratamento desigual na CIPGD (Companhia Independente de Guarda) não se sabe por quem e por que motivo. Uma coisa é certa, sem as escoltas prisionai